ColorConsole [Version 1.3.3000]
Microsoft Windows XP [Version 5.1.2600]
(C) Copyright 1985-2001 Microsoft Corp.

C:\WINDOWS>RELOG /?

Microsoft ® Relog.exe (6.0.6000.16386)

O novo registo cria novos registos de desempenho a partir dos dados
existentes

nos registos de desempenho através da alteração da frequência de amostragem

e/ou conversão do formato de ficheiro. Suporta todos os formatos de registo

de desempenho, incluindo os registos comprimidos do Windows NT 4.0.

Utilização:
relog <Nome do ficheiro [Nome do ficheiro ...]>
[opções]

Parâmetros:
<Nome do ficheiro [Nome do ficheiro ...]> Ficheiro de desempenho para
registar novamente.

Opções:
-? Apresenta ajuda de contexto.
-a Acrescenta dados de saída ao ficheiro binário
existente.
-c <path [path ...]> Contadores a filtrar do registo de entrada.
-cf <Nome do ficheiro> Ficheiro com a lista de contadores de
desempenho a filtrar do registo de entrada. A
predefinição é todos os contadores no
ficheiro de registo original.
-f <CSV|TSV|BIN|SQL> Formato do ficheiro de saída.
-t <Valor> Escrever apenas cada registo n-ésimo no
ficheiro de saída.

A predefinição é escrever todos os registos.
-o Caminho do ficheiro de saída para a base de
dados SQL.
-b <dd.MM.yyyy HH:mm:ss> Hora de início para o primeiro registo ser
escrito no ficheiro

de saída.
-e <dd.MM.yyyy HH:mm:ss> Hora final para o último registo ser escrito
no ficheiro de saída.
-config <Nome do ficheiro> Ficheiro de definições que contém opções de
comandos.
-q Lista os contadores de desempenho no ficheiro
de entrada.
-y Responde sim a todas as perguntas sem pedir.

Exemplos:
relog logfile.csv -c "\Processor(_Total)\% Processor Time" -o logfile.blg
relog logfile.blg -cf counters.txt -f bin
relog logfile.blg -f csv -o logfile.csv -t 2
relog logfile.blg -q -o counters.txt



C:\WINDOWS>REXEC /?
'rexec' não é reconhecido como um comando interno ou externo,
programa operacional ou ficheiro batch.



C:\WINDOWS>ROUTE /?

Manipula as tabelas de encaminhamento de rede.

ROUTE [-f] [-p] [-4|-6] command [destination]
[MASK netmask] [gateway] [METRIC metric] [IF interface]

-f Limpa as tabelas de encaminhamento de todas entradas de
gateway. Se for utilizado em conjunto com um dos comandos,
as tabelas serão limpas antes de executar o comando.

-p Quando utilizado com o comando ADD, torna uma rota
persistente nos arranques do sistema. Por predefinição,
as rotas não são preservadas quando o sistema é reiniciado.
É ignorado para todos os restantes comandos, que afectam
as rotas persistentes apropriadas.
Esta opção não é suportada no Windows 95.

-4 Forçar a utilização de IPv4.

-6 Forçar a utilização de IPv6.

command Um dos seguintes:
PRINT Imprime uma rota
ADD Adiciona uma rota
DELETE Elimina uma rota
CHANGE Modifica uma rota existente
destination Especifica o anfitrião.
MASK Especifica que o parâmetro seguinte é o valor da máscara
de rede.
netmask Especifica um valor de máscara de sub-rede para esta
entrada de rota. Se não for especificada, será assumida
como 255.255.255.255.
gateway Especifica o gateway.
interface O número da interface para a rota especificada.
METRIC Especifica a métrica, isto é, o custo para o destino.

Todos os nomes simbólicos utilizados para o destino são procurados no
ficheiro
da base de dados de rede NETWORKS. Os nomes simbólicos para gateways são
procurados no ficheiro de base de dados HOSTS com o nome de anfitrião.

Se o comando for PRINT ou DELETE, o destino ou gateway poderá ser um carácter
universal (o carácter universal é especificado como um asterisco '*') ou o
argumento do gateway poderá ser omitido.

Se o destino contiver um * ou ?, será tratado como um padrão de shell e
apenas as rotas de destino correspondentes serão impressas. '*' corresponde
a qualquer cadeia e '?' corresponde a qualquer carácter.
Exemplos: 157.*.1, 157.*, 127.*, *224*.

A correspondência por padrão só é permitida no comando PRINT.
Notas de diagnóstico:
O MASK inválido gera um erro, isto é, quando (DEST & MASK) != DEST.
Exemplo> rota ADD 157.0.0.0 MASK 155.0.0.0 157.55.80.1 IF 1
A adição da rota falhou: O parâmetro de máscara especificado é
inválido. (Destino && Máscara) != Destino.

Exemplos::

> route PRINT
> route PRINT -4
> route PRINT -6
> route PRINT 157* .... Apenas imprime correspondentes a 157*

> route ADD 157.0.0.0 MASK 255.0.0.0 157.55.80.1 METRIC 3 IF 2
destino^ ^máscara ^gateway métrica^ ^
Interface^
Se o IF não for indicado, este tenta localizar a melhor interface
para um dado gateway..
> route ADD 3ffe::/32 3ffe::1

> route CHANGE 157.0.0.0 MASK 255.0.0.0 157.55.80.5 METRIC 2 IF 2

CHANGE é utilizada para modificar um gateway e/ou apenas a métrica.

> route DELETE 157.0.0.0
> route DELETE 3ffe::/32




GOTO : RWINSTA /?





... Home  
... Impressum
... ColorConsole

... CMD
... Netsh-XP
... Netsh-7
... Netsh-Vista
... Powershell










Download the Windows 10 Starter, Home (Basic Premium), Professional und Ultimate!

... facebook.de
HTTP: ... console/pt/142.htm
0.031

Download Packprogramme fürs Komprimieren, Entkomprimieren, Dekomprimieren!

 /

Where is the Quick Launch for the Windows 10 Taskbar, how to enable?

 /

Ändern des Start-Verzeichnisses im Windows 10 MS-Explorer (Arbeitsplatz, Computer)!

 /

Was bedeutet maximale Anzahl der Anfragen in TraceRouteOK?

 /